Widgetized Sidebar

This panel is active and ready for you to add some widgets via the WP Admin

LGPD: por que precisamos ficar atentos?

Em adequação à lei, Positivo intensifica ações e implementa Programa de Privacidade e Proteção de Dados

LGPD: por que precisamos ficar atentos?

Em adequação à lei, Positivo intensifica ações e implementa Programa de Privacidade e Proteção de Dados

Garantir a privacidade de informações pessoais de toda e qualquer pessoa física tornou-se uma preocupação de todas as empresas. Desde a publicação da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), em 18 de setembro de 2020, as atividades de tratamento de dados pessoais (físicos e digitais) passaram a ser reguladas. A LGPD estabelece quais são os processos e tratativas adequados para tratar esses dados, levando em consideração suas particularidades e sensibilidades.

CRÉDITO: Divulgação

Em cumprimento às medidas de adequação, o Positivo implementou seu Programa de Privacidade e Proteção de Dados, que tem como premissa garantir boas práticas de uso das informações e o respeito aos direitos dos titulares.

CRÉDITO: Divulgação

“O volume de dados gerados é muito grande. Portanto, a lei vem justamente para proteger a sociedade civil e reforçar o que já vinha sendo feito aqui no Positivo. A LGPD busca estabelecer parâmetros de como devem ser utilizados esses dados, de forma ética, gerando uma cultura de negócio sustentável. Em breve, produziremos materiais e documentos informativos que vão ajudar os colaboradores no dia a dia, além de acompanhar a evolução do tema. Vamos criar essa cultura em conjunto, dia após dia.”

Selma Cristina Saito Azevedo, diretora Jurídica e Compliance do Grupo Positivo.

CRÉDITO: Divulgação

“O volume de dados gerados é muito grande. Portanto, a lei vem justamente para proteger a sociedade civil e reforçar o que já vinha sendo feito aqui no Positivo. A LGPD busca estabelecer parâmetros de como devem ser utilizados esses dados, de forma ética, gerando uma cultura de negócio sustentável. Em breve, produziremos materiais e documentos informativos que vão ajudar os colaboradores no dia a dia, além de acompanhar a evolução do tema. Vamos criar essa cultura em conjunto, dia após dia.”

Selma Cristina Saito Azevedo, diretora Jurídica e Compliance do Grupo Positivo.

Conheça algumas das iniciativas vigentes:

Por uma cultura de segurança

Por força da emenda constitucional nº 115, de 10 de fevereiro de 2002, a proteção de dados pessoais foi inclusa entre os direitos e garantias fundamentais para evitar que as pessoas físicas tenham as informações manipuladas de forma indiscriminada e não controlada. Unindo a tecnologia, a inovação e a relevância do tema, o Positivo proporciona uma série de ações estratégicas, visando não somente à adequação, mas sobretudo a uma mudança de cultura organizacional, que já se percebe.

CRÉDITO: Divulgação
Copy link
Powered by Social Snap